Em 2020, sua 4ª edição será de forma virtual, uma grande celebração para todos os povos do Cerrado. Com música, dança, história, arte e muita gastronomia.

 

Uma linda homenagem às mulheres, mestras da culinária cerratense. Coras, Anástacias, Marias, Joanas, Fátimas, Cleonices, Socorros e tantas outras. Mulheres fortes, destemidas, criativas e detentoras do saber culinário. Você não pode ficar de fora! Venha fazer parte do 4º Festival Gastronômico de Arraias!

Avaliadores

 

Eliane Régis

  • Instagram

Paraibana, cozinheira, militante do slow food e defensora dos biomas brasileiros. 
Moradora de Brasília, atua em prol da inserção dos frutos nativos na culinária. Trabalhou na Copa do Mundo da FIFA, foi chefe de eventos da cooperativa Central do Cerrado, participou do evento “Na Praia”, realizou oficinas de ecogastronomia no Parque Indígena do Xingu e representou o Brasil em Turin na Itália, pelo movimento Slow Food.

Vinícius Rossignoli

  • Instagram

Cozinheiro, especializado em gastronomia do Cerrado, tornou-se nacionalmente conhecido após sua bela participação no Reality Show Masterchef. 
Foi apresentador do programa Sabores, coordenador do Enchefs DF e diretor de Foodtech na ASTEPS.

Atualmente é Diretor de Pesquisa e Extensão da UnAF e presta consultorias em Gastronomia.

Leticia Massula

  • Instagram

Cozinheira profissional, especializada em estilismo culinário, tem como foco de estudo e pesquisa a comida brasileira e, em especial, os ingredientes e hábitos alimentares brasileiros. Nasceu e viveu toda sua infância em território de Cerrado entre os estados de Minas, Goiás e Tocantins. Dentre suas principais realizações, destacam-se o programa Brazil Cookbook, sobre comida brasileira e o programa Prato do Dia, cujo mote é fazer comida de verdade com pouco dinheiro.

Programação 13 a 17 de Outubro

A equipe do IV Festival Gastronômico de Arraias preparou uma semana de capacitação imperdível! De 13 a 17 de outubro receberemos grandes pesquisadores, cozinheiros e chefs de cozinha para falar sobre cerrado, gastronomia e sociobiodiversidade. E claro, vamos entender um pouco mais sobre as técnicas de geleia, compota e licor. O evento é gratuito e aberto ao público em geral.

Homenagem 

Em nossas recordações há sempre uma mulher em volta das panelas, nossas mães, avós, irmãs, vizinhas... Se fecharmos os olhos somos até capazes de sentir o gosto que vinha da cozinha quando algum preparo estava prestes a ser servido. Muitas dessas mulheres não só cozinhavam para suas famílias, como eram o arrimo de seu sustento.


Se arriscamos dizer que a doçaria foi por séculos uma atividade de gênero, onde estão os relatos sobre as doceiras do cerrado? 


Para além de Cora Coralina, queremos revelar e rememorar a identidade e a história de mulheres que foram protagonistas de seu tempo, de suas regiões e de suas famílias. Com isso, convidamos todos vocês a escreverem um relato sobre a vida e história de alguma doceira/cozinheira que foi importante para sua vida ou que seja fruto de suas investigações.

Nossos Parceiros

Programação - 19 a 22 de Novembro

Apreciem nossa programação e recebam todo o nosso amor traduzido em potes de doces. Nos dias 19, 20, 21 e 22 de novembro, estaremos juntos para enaltecer a dedicação e a criatividade dos produtores concorrentes, assim como a utilização dos insumos do cerrado para a produção dos doces.

   Contato    

  • Nosso canal YouTube
  • Nossa página no Facebook
  • Nosso Instagram